terça-feira, 2 de abril de 2013

O vinho sangue opaco
O vermelho vivo brasa
E o respirar esfumaçado
Esfria o vermelho ao vinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário