quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Pq prega peças em mim
Pq o maya sempre cobre minah visão
o interno treme
o externo mostra-se nebuloso
as expressoes nao sao nitidas
rebuscadas embassadas mutiladas
e a pele
a pela ja nao eh a mesma
ja nao a sinto como antes
agora o interno está solido
pesado
me individualizo e me sinto unico
sem contatos sem fluidos
a alma presa
a sensaçao angustiantes
das piores
como pode coisas tao distintas
e o caminho quando se ramifica..
se voce for apenas o um, o individuo se ve obrigado a tomar escolhas
surgem as duvidas
no multiplo nao a escolhas ha caminhos
todos trilhados
a inercia so eh quebrada por uma força externa
e se tudo se locomove nessa resultanets nao há o caos
o caos eh da força externa
quebra o solido o individuo
o expande e o força a criar outras ligaçoes
ser uma teia gigantes do tamanho infinito
e nao uma semente
só, dependente..que a qualquer momento apodrece

Nenhum comentário:

Postar um comentário